Sonhe… Mas não durma no caminho

Olhando ao meu redor, percebo que faço parte de uma geração privilegiada, onde muitos nasceram com a possibilidade de sonhar muito. Antigamente o sonho era uma dádiva pra poucos. As pessoas deixavam o sonho de lado. Tinham que deixar. Quantos de nossos pais não fizeram isso? Quantos de nosso pais deixaram de fazer o que queriam para fazer o que era preciso? Quantos ainda fazem? Quantos? 

É claro que hoje também existe muito isso entre os filhos. Mas os mais jovens costumam ter uma cabeça mais aberta quando se trata dos desejos do seu coração. Eles não aceitam a realidade que possuem com tanta facilidade. Eles têm uma revolução dentro do peito. Eles não se acomodam com o que tem ou fazem. E eu acho lindo isso. Por mais que seja lindo quem se doa para fazer o que é certo também, eu quero que você nunca, jamais, em hipótese alguma deixe de sonhar e fazer o possível para chegar cada vez mais perto do seu sonho…

Sim, eu, uma jovenzinha sonhadora, como você, me vejo desde já no dever de dizer para você sonhar. Mesmo que você viva num mundo que todos gritem que você deve fazer o que tantos outros já fizeram. Se atente a você, ao que você quer, ao que você gosta. Em vez de gastar seu tempo analisando os outros, analise a si mesmo o mais rápido que puder. Quais são suas habilidades? Sua paixões? Seus pontos fortes e fracos? O que você tem a melhorar? Qual a sua meta? O que você precisa para chegar até lá? O que você já tem que te ajudará nisso?

Eu vou te dizer que não será fácil sonhar alto. Mas quem disse que seria? E, por favor, não seja injusto com seus pais e com os mais velhos, faça o melhor pra eles, que precisam de você mais do que você imagina. Sempre quando se revoltar, tenha calma, você não seria o que é se não fossem essas pessoas. Coloque sonhos na vida deles também, desperte neles a vontade de sonhar e pegue deles a força para não desistir. Guarda aquele trecho da música do Legião ‘Você me diz que seus pais não lhe entendem, mas você não entende seus pais. Você culpa seus pais por tudo, isso é absurdo, são crianças como você’. Sim. Somos todos eternas crianças querendo um lugar ao Sol. Crianças sonhadoras.

Sabe de uma coisa? Não importa se agora você terá que fazer escolhas diferentes das quais gostaria. Para a grande maioria de nós, é preciso plantar –  e plantar muito – e só depois colher, entende? Trabalhe, lute, caia, levante, continue caminhando… Só não deixe seus sonhos esquecidos pelo caminho. Todos os dias lembre-se deles. Todos os dias, mesmo quando estiver tão cansado a ponto de não conseguir fechar os olhos pra dormir, sonhe acordado… Sonhe. Por favor.

Todas as pessoas que fizeram algo realmente significativo nesse mundo sonharam. Mesmo que errado. Porque às vezes é nesse erro que a gente aprende e se modifica, o sonho muda e a vida ganha um novo significado. Coisas que eram maravilhosas ontem, quase nunca serão assim amanhã. Então mantenha seu sonho na cabeça, mesmo quando ele mudar totalmente. Sonho é igual opinião. Se não modifica em nada, algo tem de errado. Muda porque a gente cresce, melhora e é pra frente que se anda…

Eu acredito que a vida nos dá, geralmente de maneira atrasada, confesso, tudo que transmitimos para ela. Todo mundo vai sofrer, à sua maneira, bons e ‘maus’. Mas eu acredito que quem luta – apanhando e batendo –, um dia vence. Se sonhar, é claro. Porque luta sem propósito é uma luta sem vencedores. Então, lute para ganhar o seu de cada dia, mas seja inteligente para articular as coisas de maneira que o seu sonho fique mais próximo de você. Sem pisar ou roubar a vez de ninguém. Porque aí não vale a pena, a consciência de quem é bom não perdoa.

E quer saber de uma coisa? Ser feliz nem sempre é realizar seu sonho, isso é detalhe. Até porque a vida nos traz coisas que nunca sequer imaginamos e somos surpreendidos. Faça o que puder para achar seu lugar no mundo, se acaso esse lugar não for pra você, outra coisa surgirá e te colocará um sorriso no rosto maior do que você imagina. Pode ter certeza.

Uma vez li que a gente é do tamanho dos nossos sonhos. E eu acho que sim, mas a gente é da grandeza da nossa vontade e empenho em realizá-los. 

Porque jogo é jogo e treino é treino, sim, mas nunca se esqueça: Ninguém vence um jogo difícil sem treinar muito antes. Então, ta esperando o quê? Você já é um vencedor quando entender: Sonhar? Sim. Dormir no caminho? Jamais. (Jessica Delalana)